Watsu Teresina, Piauí

Watsu em Teresina. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Instituto de Neuro Ciências
(86) 3216-6656
Rua Bartolomeu Vasconcelos 2440
Teresina, Piauí
 
Centro Médico de Laudos e Exames
(86) 3221-5000
Rua Olavo Bilac 2240
Teresina, Piauí
 
Medtran Clínica de Medicina Trânsito
(86) 3221-0835
Rua Lisandro Nogueira 1625 s 8
Teresina, Piauí
 
Laboratório Napoleão Dias
(89) 3422-3949
Rua Marcos Parente 184
Picos, Piauí
 
Ecoclínica
(86) 3221-9593
Rua Félix Pacheco 1716
Teresina, Piauí
 
Fernanda Márcia Aguiar de Oliveira
(86) 3226-4640
Rua Governador Raimundo Artur de Vasconcelos 670 s 602
Teresina, Piauí
 
Dermamed Clínica de Dermatologia de Cirurgia Plástica
(86) 3226-4122
Rua Governador Raimundo Artur de Vasconcelos 670 s 207
Teresina, Piauí
 
Clínica Endografo
(86) 2106-7777
Rua Coelho Rodrigues 1938
Teresina, Piauí
 
Clínica Oftalmológica Dr Welton
(86) 3222-3412
Rua Olavo Bilac 1879
Teresina, Piauí
 
Clinass
(86) 3223-7877
Rua São Pedro 2700
Teresina, Piauí
 

Watsu

O Watsu é a primeira forma de trabalho terapêutico corporal aquático, devidamente registrado. Foi desenvolvido nos anos 80, pelo americano Harold Dull, enquanto ensinava Zen Shiatsu. Através de algumas experiências, Harold Dull, notou que ao flutuar as pessoas, num meio aquático, elas ficam mais suscetíveis a alongamentos e outros princípios que irão conduzir a um profundo relaxamento e a trabalhos terapêuticos corporais.

· Tomando como base os movimentos suaves do Thai Chi Chuan, a sabedoria da Yoga, conhecimentos da medicina védica e principalmente os fundamentos biomecânicos corporais, o Watsu consiste numa flutuação corporal, realizada numa piscina aquecida, tranqüila e com sons adequados. Os movimentos da terapia são realizados no ritmo da respiração, conduzindo o alongamento dos músculos, dissociando a cintura, soltando as regiões enrijecidas do corpo e trabalhando com muita delicadeza as estruturas corporais, buscando um relaxamento profundo, que irá possibilitar o desenvolvimento de diversos trabalhos terapêuticos.

· No Brasil, o Watsu, foi introduzido por Alexandre Gerkopoulos e Ursula Garthoff em 1996 e desde então, vem sendo explorado na área da fisioterapia, educação física, psicologia e terapias corporais, sendo aplicado em hospitais, spas, academias, hotéis e clinicas de reabilitação.