Tratamento de Ovários Polocísticos Oeiras PI

Encontre Tratamento de Ovários Polocísticos em Oeiras. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Hidelberto Alves
(89) 3462-1709
Avenida Rui Barbosa
Oeiras, Piauí
 
Hospital Daniel Rocha
(89) 3462-1352
Avenida Rui Barbosa 470
Oeiras, Piauí
 
Unidade Mista de Saúde de Santa Rosa
(89) 3428-1201
Rua Veríssimo Antônio da Silva 83
Santa Rosa do Piauí, Piauí
 
Joelson Oliveira Moreira
(86) 3221-9190
R Magalhaes Filho 75 - N Clinica Azul
Teresina, Piauí
Especialidade
Ginecologia e Obstetrícia

Dados Divulgados por
Carlos Henrique Nogueira
(86) 3222-2786
R Monsenhor Gil 3330 - Hosp Samiu
Teresina, Piauí
Especialidade
Ginecologia e Obstetrícia

Dados Divulgados por
Sandra Regina Pinheiro Torres
(89) 3462-1885
Avenida Cândido Aleixo 243
Oeiras, Piauí
 
E Angeline Cia Ltda
(89) 3462-1764
Avenida Rui Barbosa 470
Oeiras, Piauí
 
Hospital Deolindo Couto
(89) 3462-1714
Avenida Rui Barbosa 586
Oeiras, Piauí
 
David Alves Batista
(86) 3221-5408
R Gabriel Ferreira 574 - S S 02
Teresina, Piauí
Especialidade
Ginecologia e Obstetrícia

Dados Divulgados por
Renato Rubens da Costa Machado
(86) 3221-6834
R Areolino de Abreu 1774
Teresina, Piauí
Especialidade
Ginecologia e Obstetrícia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Tratamento de Ovários Polocísticos

A síndrome de ovário policístico (SOP) é uma doença na qual há um desequilíbrio nos hormônios sexuais femininos. Esse desequilíbrio hormonal pode causar alterações no ciclo menstrual, alterações na pele, pequenos cistos nos ovários, dificuldade para engravidar e outros problemas.

Causas
Os hormônios sexuais femininos incluem estrogênio e progesterona, assim como hormônios chamados andrógenos. Os andrógenos, frequentemente chamados "hormônios masculinos", também estão presentes em mulheres, mas em quantidades diferentes.

Os hormônios ajudam a regular o desenvolvimento normal de óvulos nos ovários durante cada ciclo menstrual. A síndrome de ovário policístico está relacionada a um desequilíbrio nesses hormônios sexuais femininos. Um excesso de hormônio andrógeno é produzido, junto com alterações em outros níveis hormonais.

Não está completamente claro por que ou como ocorrem as alterações nos níveis hormonais.

Os folículos são bolsas dentro dos ovários que contêm óvulos. Normalmente, um ou mais óvulos são liberados durante cada ciclo menstrual. Isso é chamado de ovulação. Na síndrome de ovário policístico, os óvulos nesses folículos não amadurecem nem são liberados dos ovários. Em vez disso, eles podem formar cistos muito pequenos no ovário.

Essas alterações podem contribuir para a infertilidade. Os outros sintomas deste distúrbio ocorrem devido aos desequilíbrios hormonais.

As mulheres geralmente são diagnosticadas quanto têm entre 20 ou 30 anos, mas a síndrome de ovário policístico também pode afetar adolescentes. Os sintomas frequentemente surgem quando começam os períodos menstruais de uma menina. As mulheres com este distúrbio frequentemente têm uma mãe ou irmã que têm sintomas semelhantes àqueles da síndrome de ovário policístico.

Exames
Em um exame pélvico, o médico pode observar o clitóris dilatado (muito raramente) e ovários dilatados.

Diabetes, pressão arterial alta e colesterol alto são descobertas comuns, assim como ganho de peso e obesidade.

Peso, índice de massa corporal (IMC) e circunferência abdominal são úteis na determinação dos fatores de risco.

Níveis de hormônios diferentes que podem ser examinados incluem:

Níveis de estrogênio
Níveis de hormônio folículo estimulante (FSH)
Níveis de hormônio luteinizante (LH)
Níveis de hormônio masculino (testosterona)
17-cetosteroides
Outros exames de sangue que podem ser realizados incluem:

Glicose em jejum e outros exames de intolerância à glicose e resistência à insulina
Níveis de lipídios
Teste de gravidez (HCG)
Níveis de prolactina
Testes de funcionamento da tireoide
Outros testes possíveis:

Ecografia vaginal para observação dos ovários
Laparoscopia pélvica para observação mais detalhada e possivelmente biópsia dos ovários