Síndrome do Sotaque Estrangeiro Campos Novos SC

Informações sobre Síndrome do Sotaque Estrangeiro em Campos Novos. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Síndrome do Sotaque Estrangeiro e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Campos Novos.

Clomar F Nilani
(49) 3544-0379
Rua Coronel Farrapo 555 s 1
Campos Novos, Santa Catarina
 
Cleia Esteves Malcorra
(49) 3541-1035
Rua Coronel Lucidoro 1026
Campos Novos, Santa Catarina
 
Hospital Doutor José Athanásio
(49) 3541-0700
Rua Nereu Ramos 379
Campos Novos, Santa Catarina
 
Hospital Rural Nossa Senhora de Fátima
(49) 3542-1111
Rua S José 363
Erval Velho, Santa Catarina
 
Zadi Francisco Manoel
(47) 3322-1720
Al Leopoldo Schmalz 26
Blumenau, Santa Catarina
 
Unimed Campos Novos
(49) 3544-0037
Rua Benjamin Constant
Campos Novos, Santa Catarina
 
Hospital e Maternidade Santa Brígida
(49) 3541-0111
Avenida Caetano Belincanta Neto 947
Campos Novos, Santa Catarina
 
Fundação Hospitalar Dr José Athanazio
(49) 3541-1825
Rua Nereu Ramos 379
Campos Novos, Santa Catarina
 
Clinur Clínica Urussanga
(48) 3465-1700
Rua Barão do Rio Branco 9
Urussanga, Santa Catarina
 
Clínica de Saúde
(49) 3435-0359
Avenida 15 de Novembro 686
Ponte Serrada, Santa Catarina
 

Síndrome do Sotaque Estrangeiro

A síndrome do sotaque estrangeiro trata-se de uma condição médica rara, na qual os pacientes desenvolvem uma fala similar a um sotaque estrangeiro.Comumente, este distúrbio resulta de danos cerebrais. Contudo, já foram relatados casos de indivíduos que apresentavam a síndrome em decorrência de um problema de desenvolvimento e ligada a um severo quadro de enxaqueca.Acredita-se que, neste distúrbio, a área cerebral afetada é a responsável pela linguagem, resultando, então, em uma mudança nos pontos de articulação. Quando somos crianças, aprendemos esses pontos, que são característicos do idioma utilizado naquela determinada localidade. No momento em que esses pontos de produção de fonemas sofrem alterações, o indivíduo passa a falar com outra entonação.Algo que deve ficar claro é que, os pacientes não adquirem subitamente uma nova língua (vocabulário, gramática, sintaxe, dentre outros fatores), eles apenas apresentam uma distorção do planejamento articulatório e do processo de coordenação, apresentando, portanto, fala incomum. Todavia, existe um caso de um croata que, após sair de um coma, ganhou a habilidade de falar alemão com fluência, porém esta história não foi confirmada.O tratamento é feito basicamente com fonoaudiólogos. Embora esse tratamento possa minimizar o quadro, é provável que o paciente não volte a falar normalmente. Acompanhamento psicológico também pode ser indicado nesses casos, visando auxiliar a retomada da autoestima e identidade do indivíduo afetado pela síndrome.Entre 1941 e 2009, foram registrados somente 60 casos desta síndrome. No Brasil, até 2011, foram relatados somente 12 casos deste distúrbio. No entanto, é possível que existam mais casos, já que muitas vezes não é feito um diagnóstico correto.Fontes:http://opiniaoenoticia.com.br/vida/saude/a-curiosa-sindrome-do-sotaque-estrangeiro/http://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%ADndrome_do_sotaque_estrangeiro