Síndrome do Seio Carotídeo Campos Novos SC

Informações sobre Síndrome do Seio Carotídeo em Campos Novos. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Síndrome do Seio Carotídeo e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Campos Novos.

Unimed Campos Novos
(49) 3544-0037
Rua Benjamin Constant
Campos Novos, Santa Catarina
 
Cleia Esteves Malcorra
(49) 3541-1035
Rua Coronel Lucidoro 1026
Campos Novos, Santa Catarina
 
Hospital e Maternidade Santa Brígida
(49) 3541-0111
Avenida Caetano Belincanta Neto 947
Campos Novos, Santa Catarina
 
Hospital Rural Nossa Senhora de Fátima
(49) 3542-1111
Rua S José 363
Erval Velho, Santa Catarina
 
Clínica Valle Pereira
(48) 3225-2299
Avenida Osvaldo Rodrigues Cabral 570
Florianópolis, Santa Catarina
 
Clomar F Nilani
(49) 3544-0379
Rua Coronel Farrapo 555 s 1
Campos Novos, Santa Catarina
 
Fundação Hospitalar Dr José Athanazio
(49) 3541-1825
Rua Nereu Ramos 379
Campos Novos, Santa Catarina
 
Hospital Doutor José Athanásio
(49) 3541-0700
Rua Nereu Ramos 379
Campos Novos, Santa Catarina
 
Clínica Médica Laitano
(48) 3269-0080
Estrada Dom João Becker 2505
Florianópolis, Santa Catarina
 
Clínica Doutor Vilberto
(48) 3646-1287
Rua Osvaldo Aranha 280
Laguna, Santa Catarina
 

Síndrome do Seio Carotídeo

O seio carotídeo consiste em uma estrutura situada na região cervical, que tem como função o controle dos batimentos cardíacos e da pressão arterial.A síndrome do seio carotídeo, também denominada hipersensibilidade do seio carotídeo, trata-se de uma rara desordem que leva à diminuição dos batimentos cardíacos e da pressão arterial, devido a movimentos bruscos do pescoço ou compressão da região em questão.Neste transtorno ocorre um bloqueio completo dos batimentos cardíacos que nascem no marcapasso cardíaco natural, ou somente uma diminuição da quantidade de batimentos por minuto (bradicardia sinusal).São diversas as causas desta síndrome. Sabe-se que indivíduos do sexo masculino são mais propensos a desenvolver este transtorno. Também pode estar ligado à idade, sendo que as chances aumentam à medida que o indivíduo envelhece. Desordens cardíacas também podem deixar o paciente mais susceptível a desenvolver síndrome do seio carotídeo. Outras causas envolvem tumores na região cervical e/ou cranial, hipertensão e uso de determinados medicamentos, como beta-bloqueadores e metildopa.As manifestações clínicas incluem:Tonturas frequentes;Hipotensão;Perda do tônus muscular, em muitos casos, devido à diminuição da frequência cardíaca, fazendo com que o sangue demora mais para alcançar à musculatura;Exagerada cicatrização na região cervical, em decorrência de um trauma ou desenvolvimento de tumores ou fibrose na região cervical;Amnésia;Bradicardia;Quedas repentinas, que podem resultar em ferimentos ou lesões;Acidente vascular cerebral;Morte súbita.Contudo, existem casos em que os pacientes são assintomáticos.O diagnóstico pode ser alcançado por meio de técnicas de massagem aplicadas na região cervical por um médico, juntamente com o monitoramento de uma possível queda de pressão arterial. A possibilidade de parada cardíaca também deve ser monitorada.O tratamento envolve medicamentos e cirurgia. No primeiro caso são utilizados fármacos anticoagulantes com o intuito de prevenir a coagulação e espessamento do sangue. Já no segundo caso, pode ser indicada a implantação de um marcapasso definitivo.Fontes:http://en.wikipedia.org/wiki/Carotid_sinushttp://portaldocoracao.uol.com.br/doencas-de-a-a-z/sindrome-do-seio-carotideo-hipersensibilidade-do-seio-carotideohttp://www.hcorcuritiba.com.br/materias.php?c=dieta&e=1467