Síndrome de Nagali Rio Largo AL

Informações sobre Síndrome de Nagali em Rio Largo. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Síndrome de Nagali e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Rio Largo.

Centro Integrado de Saúde Bem Viver
(82) 3325-3245
Avenida Doutor Antônio Gomes de Barros 671
Maceió, Alagoas
 
Cendor
(82) 2126-0740
Rua Doutor José Afonso de Melo 68 s 413
Maceió, Alagoas
 
Alegoderme
(82) 3338-1020
Rua Jornalista Augusto Vaz Filho 10
Maceió, Alagoas
 
Smile Atendimento Clínico
(82) 3241-1831
Rua Teófilo Barros 91
Maceió, Alagoas
 
Clin Mulher
(82) 3324-3331
Rua Santa Luzia 230
Maceió, Alagoas
 
Alerta Médico
(82) 3358-8090
Avenida Fernandes Lima 1889
Maceió, Alagoas
 
Alerta Médico
(82) 3327-3333
Rua Doutor Pompeu de Miranda Sarmento 190
Maceió, Alagoas
 
Clínica de Anestesiologia de Maceió
(82) 3326-7488
Rua Dias Cabral 384
Maceió, Alagoas
 
Clínica São Lucas
(82) 3327-9899
Rua Engenheiro Mário de Gusmão 725
Maceió, Alagoas
 
Cinc - Complexo Integrado Nilton Cavalcanti
(82) 3338-2235
Rua Professor Guedes Miranda 245
Maceió, Alagoas
 

Síndrome de Nagali

A síndrome de Nagali trata-se de uma condição na qual o indivíduo não possui nenhuma impressão digital.As impressões digitais, também chamadas de cristas, são saliências encontradas na epiderme das mãos e dos pés, que possuem formas e tamanhos distintos e são intercaladas por sulcos. O início da formação dessa estrutura é entre a 4° semana ao 5° mês de gestação. Entretanto, cientificamente falando, as impressões digitais consistem nas marcas deixadas pelas mesmas na superfície de objetos quando tocados.Esta síndrome impede a formação destas cristas, resultando em uma pele fina e lisa nos dedos, palma da mão e planta do pé. Em 2006, foi descoberta que a causa desta desordem é o mau funcionamento da proteína “cretin 14”. Todavia, a causa da falta de impressão digital não é somente congênita. Mais comumente, o indivíduo perder esta forma de identificação ao longo da vida, em decorrência de doença dermatológica (como a dermatopathia pigmentosa reticularis), por acidentes, pelo contato com produtos químicos que desgastam as cristas, dentre outras.A falta da impressão digital não é a única manifestação clínica desta patologia. Estes pacientes também possuem dentes, unhas e cabelos mais frágeis, além de sofrerem dificuldades de virar páginas e segurar corpos, em decorrência das pontas dos dedos lisas. Também passam por desconfiança na obtenção de cartões de crédito, documentos e em processos seletivos.Estes indivíduos necessitam utilizar outras formas de identificação, como a biometria, capaz de identificar o formato do rosto e da íris (únicos em cada pessoa). Em outros casos, também pode ser utilizada a arcada dentária ou DNA.Fontes:http://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%ADndrome_de_Nagalihttp://super.abril.com.br/superarquivo/2007/conteudo_497545.shtmlhttp://dba.fc.ul.pt/ant-bio/TA_2008%5C06_Genes%5C06_5_O_futuro_dos_dermatoglifos.pdfFoto: http://www.handresearch.com/news/adermatoglyphia-genetic-no-fingerprints-disease.htm