Síndrome da Mão Alheia Araranguá SC

Informações sobre Síndrome da Mão Alheia em Araranguá. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Síndrome da Mão Alheia e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Araranguá.

Stefanio Nápoli Oliveira
(48) 3524-4770
Rua Caetano Lummertz 456 s 109
Araranguá, Santa Catarina
 
Cimel Saúde
(48) 3537-1717
Rua Alberto Burigo 120
Meleiro, Santa Catarina
 
Centro Clínico Sombrio
(48) 3533-0144
Rua Padre João Reitz 462
Sombrio, Santa Catarina
 
Cláudia Cipriano Vidal Heluany
(48) 3439-5102
Rua Coronel Pedro Benedet 225 s 504
Criciúma, Santa Catarina
 
Clínica Médica Mulher e Filho
(48) 3433-7314
Rua São Marcelino Champagnat 33
Criciúma, Santa Catarina
 
Clínica Ceretta
(48) 3524-0042
Praça Hercilio Luz 678 s 1
Araranguá, Santa Catarina
 
Fisiolis
(48) 3533-1822
Avenida Nereu Ramos 1263
Sombrio, Santa Catarina
 
Gilson C N Silva
(48) 3533-3657
Rua Santo Antônio 153
Sombrio, Santa Catarina
 
Hemato Clínica
(48) 3433-3534
Rua Antônio de Lucca 100
Criciúma, Santa Catarina
 
Anelise M Amboni
(48) 3433-7675
Rua Coronel Pedro Benedet 505 s 809
Criciúma, Santa Catarina
 

Síndrome da Mão Alheia

A síndrome da não alheia, também chamada de a síndrome da mão estranha, ou ainda síndrome do Dr. Strangelove, é definida como um distúrbio neurológico no qual a mão da pessoa afetada parece possuir vida própria.Esta desordem é mais observada em indivíduos que foram submetidos à cirurgia de separação dos hemisférios cerebrais ou ressecção de parte dos mesmos, procedimentos realizados objetivando minimizar os sintomas em casos extremos de epilepsia. Além disso, esta condição também pode resultar de um acidente vascular cerebral, outros procedimentos cirúrgicos cerebrais ou infecções.Indivíduos com esta síndrome podem conservar a sensibilidade normal no membro afetado, mas embora o paciente saiba que o membro ainda faça parte do seu corpo, o mesmo se comporta de forma completamente diferente do comportamento normal do indivíduo acometido, com o indivíduo sentido que não possui controle sobre o membro. Em outras palavras, a mão atingida realiza movimentos de forma autônoma, sem o conhecimento do paciente.Existem subtipos distintos da síndrome da mão alheia que aparentemente está relacionada com a área afetada, que pode ser o corpo caloso, os lobos frontal, parietal e occipital.Acredita-se que esta síndrome resulte de uma luta de poder dentro da cabeça. O hemisfério esquerdo é o responsável por controlar os membros direitos, além de ser o local onde normalmente situa-se a habilidade linguística. Já o hemisfério direito é o responsável por controlar os membros esquerdos, bem como a localização espacial e reconhecimento de padrões.Comumente, o hemisfério esquerdo é o dominante, dando a palavra final nos atos desempenhados pelos seres humanos. Ou seja, foi observado que cada um dos hemisférios possui consciência separada e, consequentemente, vontade própria.Embora não exista cura para esta condição, algumas medidas podem auxiliar no alívio dos sintomas, como, por exemplo, fornecer algum objeto para a mão alheia segurar, ocupando-a. Além disso, alguns fármacos podem auxiliar na retomada do controle do cérebro.Fontes:http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2011/01/sindrome-rara-fez-americana-ser-atacada-pela-propria-mao.htmlhttp://en.wikipedia.org/wiki/Alien_hand_syndrome