Labirintite Arapiraca, Alagoas

Informações sobre Labirintite em Arapiraca. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Labirintite e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Arapiraca.

Vaccini Clínica de Vacinação
(82) 3522-2154
Rua Marcelino Magalhães 330
Arapiraca, Alagoas
 
Otomed Alagoas
(82) 3539-1114
Rua 30 de Outubro 121
Arapiraca, Alagoas
 
Espaço Fisio & Saúde
(82) 3529-9600
Rua Nossa Senhora de Fátima 218
Arapiraca, Alagoas
 
Clínica Ciam
(82) 3522-2533
Avenida Pedro Leão 119
Arapiraca, Alagoas
 
José C L Silva
(82) 3530-1662
Praça Pereira Magalhães 79
Arapiraca, Alagoas
 
Clínica Imagem
(82) 3521-6192
Rua São Domingos 115
Arapiraca, Alagoas
 
Santa Fé Medical Center
(82) 3482-7133
Rua Esperidião Rodrigues 103
Arapiraca, Alagoas
 
Cmi Consultórios Médicos Integrados
(82) 3522-3388
Rua Fernandes Lima, 345
Arapiraca, Alagoas
 
Clínica Profª Maria Anunciada
(82) 3521-6500
Rua Monsenhor Macedo 362 c A
Arapiraca, Alagoas
 
Clínica de Trânsito de Arapiraca
(82) 3522-3303
Rua Teodorico Costa 120
Arapiraca, Alagoas
 

Labirintite

A labirintite é uma labirintopatia de origem infecciosa, que atinge o labirinto. O labirinto é também chamado de ouvido interno, e é o órgão responsável pela audição e pelo equilíbrio. Está localizado no crânio, encrustado em um osso chamado temporal.O labirinto é formado pela cóclea e pelo vestíbulo. A cóclea, responsável pela audição, é localizada na parte anterior do labirinto. A parte superior do labirinto, responsáveis pelo equilíbrio, é formada por três canais semi circulares (sendo que no centro localiza-se o vestíbulo). Ao conjunto de órgãos que compõe o ouvido interno chamamos de aparelho vestibular.Além do labirinto, outros sensores do equilíbrio são: pele, olhos, articulações e músculos.As causas da labirintite podem ser:- Infecções por vírus.- Infecções por bactérias- Estresse- Problemas de irrigação sangüínea do labirinto- Hereditariedade- Alergias- Traumatismos na cabeça.- Reação a determinados medicamentosOs sintomas causados pela labirintite são: tonturas, zumbido, desequilíbrio, vertigens, movimentos involuntários dos olhos, sensação de ouvidos tampados, náuseas, ansiedade crônica e sensação de mal estar. É comum, inclusive, a perda de audição no ouvido afetado, ataque de pânico, depressão e palpitação.O tratamento é feito em três etapas. Na primeira etapa são tratados os sintomas, através de medicação sedativa, para aliviar principalmente a tontura.Em seguida é feita uma investigação sobre o que causou a labirintite. Descoberto o agente causador da doença, o paciente é encaminhado ao otorrinolaringologista ou a outro especialista, dependendo do caso.Por último, é feito um tratamento de reabilitação em relação às tonturas, que nos casos de labirintite aguda podem continuar por períodos que variam de 1 a 6 semanas e podem perdurar, em alguns casos, até mesmo por meses ou anos.O labirinto é mais comum em pessoas idosas, mas também acomete crianças e jovens.