Fibrose pulmonar Santa Rita, Paraíba

Informações sobre Fibrose pulmonar em Santa Rita. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Fibrose pulmonar e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Santa Rita.

Anne Valeria Macedo Faustino
(83) 3243-9080
Av Julia Freire 1200 - Sl. 701Edf. Metropolitan
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Sebastiao de Oliveira Costa
(08) 3222-0033
Av. Almirante Barroso 528
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Jose Gerson Moreira Gadelha
(83) 3221-9007
Av Dom Pedro Ii 1269 - Sl. 605Edf. Sintese
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Beltrao Paiva Castelo Branco
833-2445
Av Dom Moises Coelho 153
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Leonardo Gadelha de Oliveira
(83) 221-9063
R. Quintino Bocaiuva 537 - Sl. B
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Wilson de Aguiar Chaves
833-2227
Av Almirante Barroso 438 - Sl. 111Edf. Emp. Newton Almeida
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Joao Bosco Braga
(83) 3241-4900
Av Camilo de Holanda 923
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Ronaldo Rangel Travassos Junior
(83) 224-4362
Rua Jose Florentino Junior 333
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Gesualdo Pereira Soares
(83) 221-3254
R. Clemente Rosas 44
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Pneumologia

Dados Divulgados por
Ciro Leite Mendes
833-2449
R Arquiteto Hermenegildo Di Lascio 267
Joao Pessoa, Paraíba
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Fibrose pulmonar

A fibrose pulmonar consiste em uma patologia crônica que acomete o pulmão, caracterizada pelo desenvolvimento exacerbado de tecido conjuntivo (fibrose), também conhecido como tecido cicatricial.Nesta desordem, o que ocorre é a troca gradativa do parênquima pulmonar por tecido cicatricial, fato que ocasiona uma irreversível diminuição da capacidade de difusão do oxigênio. Desta forma, a redução da complacência causada pela fibrose pulmonar leva à doença pulmonar restritiva.Esta desordem, embora possa ser idiopática, costuma resultar de doenças pulmonares intersticiais, como:Tabagismo;Inalação de poluentes ambientais ou ocupacionais;Sarcoidose;Granulomatose de Wegener;Artrite reumatoide;Esclerodermia;Infecções;Uso de certos fármacos;Radioterapia na região do tórax.As manifestações clínicas incluem:Dispneia, especialmente após esforço físico;Tosse seca crônica;Fadiga e fraqueza;Desconforto no peito;Perda de apetite;Perda de peso.No exame físico é possível auscultar estertores nas bases pulmonares. Radiografias torácicas podem apresentar-se alteradas e tomografia computadorizada de alta resolução habitualmente evidencia anormalidades. A confirmação é feita por meio de biópsia pulmonar.O tratamento visa à resolução do problema base. Nos casos da fibrose pulmonar idiopática, o tratamento é mais restrito. Corticosteroides são utilizados no tratamento desta desordem, pois causam a supressão do sistema imunitário, fato que auxilia no retardo da progressão dos mecanismos que levam à fibrose. Terapia com oxigênio, antibióticos e medicamentos para insuficiência cardíaca são outras formas de tratamento. Em casos graves, a única opção pode ser um transplante de pulmão.O prognóstico varia de caso para caso. Alguns pacientes podem sobreviver durante anos, enquanto outros podem morrem dentro de anos ou até mesmo meses.Fontes:http://www.hospitalsiriolibanes.org.br/hospital/especialidades/nucleo-avancado-torax/especialidades/Paginas/fibrose-pulmonar.aspxhttp://www.drpereira.com.br/fibrose.htmhttp://www.manualmerck.net/?id=66&cn=736http://en.wikipedia.org/wiki/Pulmonary_fibrosis