Aplasia da medula óssea Macapá, Amapá

Informações sobre Aplasia da medula óssea em Macapá. Encontre aqui médicos especialistas, dicas de prevenção, onde fazer diagnóstico e tratamento da Aplasia da medula óssea e endereços e telefones de hospitais e clínicas em Macapá.

Heraldo Rodrigues Ribeiro
(96) 223-9495
Av Raimundo Alvares da Costa 341
Macapa, Amapá
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Raimundo Palheta Alves
222-4871
Av. Mendon¢a Furtado 2159 - Clidermia
Macapa, Amapá
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Paulo Roberto Balbino
(96) 3223-0737
Avenida 13 - de Setembro 543
Macapa, Amapá
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Hospital Escola São Camilo e São Luiz
(96) 3242-5315
r Marcelo Cândia, 742 Santa Rita
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Hospital Santa Bárbara
(96) 3225-5154
av Ana Nery, 890 Laguinho
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Joao Roberto Bastos Zoghbi
(96) 3223-4257
Av. Raimundo Alvares da Costa 735
Macapa, Amapá
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Nicodemos Vieira da Silva Neto
(96) 224-1146
Av Cora de Carvalho 2088
Macapa, Amapá
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Joana Silva Carvalho/Hemodiagnostico
700-0705
Av. Coaracyunes 890
Macapa, Amapá
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Mundimed
(96) 3242-8088
av 13 Setembro, 1518 c A Buritizal
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Hospital da Mulher Mãe Luzia
(96) 3212-6196
av Fab, 81 Central
Macapá, Amapá

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Aplasia da medula óssea

A aplasia da medula óssea, também conhecida como aplasia medular, consiste em uma falha medular na produção de células sanguíneas, caracterizada por anemia e plaquetopenia.Esta desordem pode ser classificada em moderada ou grave, sendo esta última caracterizada por neutrófilos abaixo de 500/ml, plaquetas abaixo de 20.000/ml e reticulócitos inferior a 1%, em conjunto com hipocelularidade medular. Os quadros que não apresentarem todos esses critérios são considerados moderados.São diversas as causas de aplasia da medula óssea, como uso de determinados fármacos, presença de certas infecções, contato com inseticidas, afecções autoimunes, irradiação e outras causas desconhecidas.Pacientes que apresentam este distúrbio não produzem uma quantidade adequada de células sanguíneas, deixando o mesmo imunossuprimido e, consequentemente, mais propenso a adquirir graves infecções.Os sinais e sintomas clínicos apresentados pelos pacientes com esta desordem variam de acordo com o grau de citopenia periferia, mas pode englobar anemia, manifestações hemorrágicas (petéquias, equimoses, hemorragia de mucosas, dentre outras) e febre. O maior perigo está ligado ao grau de neutropenia.O diagnóstico é alcançado através do hemograma, juntamente com a análise da medula óssea (biópsia).O tratamento objetiva reconstituir a medula óssea, sendo a terapia mais eficaz o transplante de medula óssea (nos casos de pacientes que encontram um doador compatível). Todavia, anteriormente ao transplante de medula, o paciente necessita passar por um tratamento químico, que inclui medicamentos por via oral ou intravenosa. Estes fármacos atuam estimulando a medula óssea.Para prevenir complicações, o paciente deve evitar contato com indivíduos doentes, e também frequentar locais aglomerados.Fontes:http://pt.wikipedia.org/wiki/Aplasia_de_medula_%C3%B3sseahttp://www.medicinageriatrica.com.br/2008/02/09/aplasia-da-medula-ossea/http://www.ameo.org.br/index.php/conhecimento/28-aplasia-de-medula-ossea-definicao-e-tratamento